Pesquisa e formação de pesquisadores em educação no Centro-Oeste – Tendências e perspectivas

  • Eurize Caldas Pessanha UFMS

Resumo

O objetivo deste artigo é apresentar algumas considerações e reflexões sobre o processo de formação de pesquisadores em educação no Brasil, focalizando, especificamente, a história da pesquisa em educação no Centro-Oeste. Considerações fundamentadas nas análises que os pesquisadores da área vêm produzindo, pelo menos desde 1971, quando foi publicada a primeira revisão da produção na área (GOUVEIA, 1971), e na experiência da autora como pesquisadora, formadora de pesquisadores e membro da Comissão governamental que avalia os programas de formação de pesquisadores da área de educação. As noções de campo e habitus de Bourdieu são a base para as reflexões sobre os dados obtidos nas revistas da área e nas bases de dados da Capes e do CNPq. A autora sustenta que a preparação de pesquisadores na área de educação, no Brasil, reflete a história de um campo cuja configuração é resultado de lutas e disputas por legitimação, inclusive epistemológica.

Biografia do Autor

Eurize Caldas Pessanha, UFMS
Doutora em Educação – Docente do Programa de Pósgraduação
em Educação da UFMS.

Referências

ANDRÉ, M. E. D. A. de. Pesquisa em Educação: buscando rigor e qualidade. Cadernos de Pesquisa. São Paulo: Fundação Carlos Chagas, n. 113, p. 39-50, 2001.

BOURDIEU, P. Ofício de sociólogo. Trad. Guilherme João de Freitas Teixeira. 4. ed. Petrópolis: Série-Estudos... Campo Grande-MS, n. 20, p. 13-26, jul./dez. 2005. 25

Editora Vozes, 2004.

_____. O Campo cientÌfico. In: ORTIZ, R. (Org.). Pierre Bourdieu. São Paulo: Ática. p. 122-155, 1983.

CAPES. Documento da área de Educação. Disponível em: <http://www.capes.gov.br>. Acesso em: 01 ago. 2005.

CUNHA, L. A. Pós-graduação em Educação: no ponto de inflexão. Cadernos de Pesquisa. São Paulo: Fundação Carlos Chagas. n. 77. p. 63-67, 1991.

DOURADO, Luiz. Políticas de educação superior e pesquisa nas IES do Centro-Oeste: limites e perspectivas. VII EPECO, Goiânia: ANPED-Centro Oeste, 2004.

ESTEVES, O. P. Pesquisa educacional em crise: ontem, hoje – que caminho tomar? Cadernos de Pesquisa. São Paulo: Fundação Carlos Chagas, n. 50, p. 3-14, 1984.

FRANCO, Maria Laura P. B. Pesquisa Educacional: algumas reflexões. Cadernos de Pesquisa. São Paulo, n. 51, p. 54-87, 1984.

FRANCO, Maria Laura P. B. & GOLDBERG, Maria Amélia Azevedo. Prioridades em pesquisa educacional: prós e contras. Cadernos de Pesquisa. São Paulo, n. 16, 1976.

GATTI, B. (Org.). Seminário Alternativas metodológicas para a pesquisa educacional. Cadernos de Pesquisa. São Paulo: Fundação Carlos Chagas, n. 40, 1982.

_____. Pós-graduação e pesquisa em educação no Brasil, 1978-1981. Cadernos de Pesquisa. São Paulo: Fundação Carlos Chagas, n. 44, p. 3-17, 1983.

_____. Implicações e perspectivas da pesquisa educacional no Brasil contemporâneo. Cadernos de Pesquisa. São Paulo: Fundação Carlos Chagas, n. 113, p. 65-62, 2001.

_____. A construção da pesquisa em educação no Brasil. Brasília: Editora Plano, 2002.

GOUVEIA, A. J. A pesquisa educacional no Brasil. Cadernos de Pesquisa. São Paulo, v. 1, n. 1, 1971.

_____. Orientações teórico-metodológicas da Sociologia da Educação. Cadernos de Pesquisa. São Paulo: Fundação Carlos Chagas, n. 55, p. 63-67, 1985.

_____. A pesquisa educacional no Brasil: de 1970 para cá. Cadernos de Pesquisa São Paulo, n. 19, 1976.

MELLO, G. N. Pesquisa em educação: questões teóricas a questões de método. Cadernos de Pesquisa. São Paulo: Fundação Carlos Chagas, n. 40, p. 610, 1982.

_____. A pesquisa educacional no Brasil. Cadernos de Pesquisa. São Paulo: Fundação Carlos Chagas, n. 46, p. 67-72, 1983.

MOREIRA, A. F. B.. O campo do currículo no Brasil: construção no contexto da ANPED. Cadernos de Pesquisa. n. 117, p. 81-101, 2002.

NETTO, J. P. Relendo a teoria marxista da história. In: D. SAVIANI et alii. (Org.). História e história da educação. O debate teórico-metodológico atual. Campinas, 1998.

VIEIRA, E. Pesquisa em educação: quando se é específico? Cadernos de Pesquisa. São Paulo: Fundação Carlos Chagas, n. 67, p. 56-58, 1988.

VIEIRA, S. A pesquisa em educação no Brasil: conversando sobre problemas, perspectivas e prioridades. Cadernos de Pesquisa. São Paulo: Fundação Carlos Chagas, n. 55, p. 81-84, 1985.

WARDE, M. J. O papel da pesquisa na pós-graduação em educação. Cadernos de Pesquisa. São Paulo: Fundação Carlos Chagas, n. 73, p. 67 -75, 1990.

_____. A produção discente dos programas de pós-graduação em educação no Brasil (1982- 1991). In: Avaliação e perspectivas na área de educação. ANPED, 1993.

WEBER, S. A. produção recente na área de educação. Cadernos de Pesquisa. São Paulo, n. 81, 1992.

Publicado
2013-09-02
Seção
Ponto de Vista